Há dificuldade dos municípios em atender a legislação federal, não apenas para os resíduos sólidos, mas também para o saneamento.

Carrinho de catador

Nesta entrevista Carlos Henrique, co-promotor da ARZB, fala da necessidade de planejamento e gestão por parte dos municípios brasileiros para atendimento à Política Nacional de Resíduos Sólidos e a necessidade de integração dos catadores de materiais recicláveis ao processo de coleta seletiva.

A entrevista foi ao ar na Rádio Jovem Pan de São Paulo em 28 de julho de 2015.

Brasil: 28% das cidades destinam resíduos a lixões

Reportagem de Sidinei Fernandes e Railson Santos para a TV Nova Canção, CN Notícias, 27 de Julho de 2015.Lixo

Um levantamento divulgado nesta segunda-feira, 27, em São Paulo, revelou que quase 40% da população brasileira, 78 milhões, não têm acesso a tratamento e destinação adequada do lixo. Em 28% das cidades, o destino dos resíduos ainda são os lixões.