Surgido nos anos 70, Resíduo Zero é um conceito inspirado nos ciclos naturais de vida, eficientes e sustentáveis, em que tudo é transformado em outros recursos, sem desperdício e sobras.

Adotar o conceito Resíduo Zero significa:

  • minimizar os impactos no solo, na água, no ar e nos ecossistemas, em geral, que podem ser nocivos ou ameaçar a saúde planetária – animal e vegetal – e provocar irreversíveis alterações climáticas
  • projetar e gerenciar produtos e processos para reduzir o volume e a toxicidade dos resíduos e materiais
  • conservar e recuperar recursos naturais
  • não queimar ou enterrar resíduos
  • incentivar o consumo de produtos e serviços com o conceito Resíduo Zero.

Estratégia

Uma estratégia Resíduo Zero é essencial a uma economia eficiente no uso de recursos e inclusiva, respeitando a diversidade dos ecossistemas e aumentando a coesão social. Isto é possível por:

  • criar muitos postos de trabalho
  • fechar o ciclo de materiais
  • devolver nutrientes para o solo
  • reduzir o impacto ambiental do descarte de resíduos
  • incentiva a inovação em design de produto e
  • aumentar a participação dos cidadãos para a construção de cidades mais sustentáveis.

Economia circular

FiBanner3-wpcf_965x305nalmente, uma economia circular pode integrar os catadores de recicláveis como atores centrais no sistema de gestão e abrir iniciativas relativas à reutilização e reciclagem de materiais.

Resíduo Zero é, ao mesmo tempo, uma estratégia e um conjunto de ferramentas para eliminar o desperdício ao invés de apenas gerenciá-lo. Incorporar o conceito Resíduo Zero implica também mudança de cultura, baseada na maior compreensão das relações entre produção, consumo e preservação dos recursos naturais. E para que as ações sejam concebidas e implementadas de forma coerente, são necessários programas e projetos, tais como campanhas educativas públicas e privadas.

Quais são suas frentes de Atuação?

A Aliança Resíduo Zero atua em duas frentes:

1) a implementação da Política Nacional de Resíduos Sólidos (Lei 12.305/10) e

2) a criação de uma Política de Produção Durável e Política de Reciclagem Popular.

Ambas preveem amplo trabalho de educação ambiental e mobilização da comunidade, com o envolvimento de instituições de ensino de todos os níveis, públicas e privadas, dentre outros parceiros. Além disso, levam em conta a urgência da redução nas emissões de gases de efeito estufa (GEE), em sinergia com a Política Nacional de Mudanças Climáticas, que reconhece a gestão sustentável de resíduos como estratégia de mitigação dos GEE.

Fonte: Carta de Adesão da Aliança Resíduo Zero Brasil e GAIA.

 

Movimento Internacional

A Global Alliance for Incinerator Alternatives – GAIA incentivou seus parceiros no Brasil a criar a Aliança Resíduo Zero, dada a existência de iniciativas neste sentido, muitas históricas, que poderiam integrar-se em torno da bandeira “resíduo zero” para potencializar suas ações. GAIA é um apoio estratégico para alimentar as redes, continentais e nacionais, com informações sobre as lutas e vitórias no mundo voltadas ao aproveitamento integral dos resíduos via reciclagem, compostagem e/ou biodigestão e também pela produção de bens com perfil sustentável. A chancela de GAIA nas ações nacionais também traz a dimensão de atuação local-global, que potencializa a força das redes junto a novos atores.

A Aliança Resíduo Zero Brasil-ARZB integra a Aliança Internacional Resíduo Zero, que segue a mesma linha de GAIA: de promover o conceito, o debate e a divulgação de experiências voltadas à não destinação de resíduos para queima e tampouco para aterramento.

 

WHAT IS ZERO WASTE?

Inspired on natural cycles of life, efficiency and sustainability, the Zero Waste concept was born in the 1970s, based on the idea of the transformation of materials in other resources, returning them back to the cycle of life, with no other wastes.

Living by the Zero Waste concept means:

  • to reduce the soil, water, air and general ecosystem impacts, that may be dangerous to the planet’s health – both animal and vegetal lives– and an irreversible climate damage.
  • to reduce the quantity and the toxicity of the waste and the material planning and managing products and process.
  • to maintain and recovering the natural resources
  • do not incinerate and bury waste
  • to stimulate the consumption of zero waste products and services conception

Strategy

The Zero Waste strategy is crucial for an efficient economy of resources used and in social inclusion, respecting the ecosystem diversity and growing social cohesion. You can reach it by:

  • opening new job positions
  • closing the material cycle (circular economy)
  • returning the soil’s nutrients
  • reducing environmental impacts caused by solid waste discarded
  • encouraging new products design (materials-efficient economy)
  • increasing citizens engagement in the construction of a sustainable city

Circular Economy

A Circular Economy has the power to include the recyclable material pickers as Banner3-wpcf_965x305fundamental actors in the managing system and opening initiatives related to recycling and reusing.

Zero Waste is a strategy and a set of tools to eliminate the solid waste instead of managing it. Incorporating Zero Waste also means to involve a culture change based on more comprehension among the relation of production, consumption, and preservation of natural resources. For this purpose, it is necessary to establish programs and projects, such as public or private educational initiatives.

Which are our field of expertise?

The Brazil Zero Waste Alliance acts on:

  1. implementing the National Waste Policy (Law 12.305/10)
  2. proposing Durable Production Policy and Popular Recycling Policy

Both envisage extensive work in environmental education and community mobilization, with the involvement of educational institutions at all levels, public and private, among other partners. In addition, they take into account the urgency of reducing greenhouse gas (GHG) emissions, in synergy with the National Policy on Climate Change, which recognizes the sustainable management of waste as a GHG mitigation strategy.

  • Zero Waste Brazilian Alliance and The Global Alliance for Incinerator Alternatives – GAIA letter of application for membership

 

International Movement

The Brazilian Zero Waste Alliance it’s a member of the Global Alliance for Incinerator Alternatives – GAIA that promotes Zero Waste Policies and Practices and alternatives to landfill and incineration.

GAIA had supported its Brazilians partners to create the Zero Waste Alliance through the existences of initiatives and fight history throughout the Zero Waste International Movement principles to strengthen their actions. It is GAIA’s strategy to offer reports about fights and victories to support all international, national and local level, around the solid waste alternatives as recycling, reusing, composting, or turning into biogas through anaerobic digestion. GAIA’s national activities also lead a local-global impact, contributing to enhance, organizing and fighting together with new actors.

Two Brasil Zero Waste Alliance representatives integrates the Latin American Advisory GAIA Group and one of them integrates the Global GAIA Hubb.

Play
Play
Play
previous arrow
next arrow
Slider