Cooperativa de catadores é exemplo em Economia Solidária

Economia solidária é um conceito baseado na organização da vida social e econômica a partir da autogestão. Mulheres são a vanguarda dessa prática que dá espaço, principalmente, aos mais excluídos do capitalismo. A essência dessa economia é a democracia, na qual prevalece a produção e a renda coletiva.

A União Europeia coordenou um pesquisa de mapeamento de boas práticas relacionadas a economia solidária ao longo de todo o mundo. Essa pesquisa apresentou como um exemplo brasileiro a Coopamare, uma das cooperativa pioneiras de catadores de materiais recicláveis no país. A coordenadora da área de Resíduos Sólidos do Instituto Pólis, Elisabeth Grimberg, participou do vídeo para explicar como funciona a economia solidária dentro das cooperativas e a integração delas com outros serviços de manejo dos resíduos sólidos.

Confira o vídeo Boas Práticas em Economia Solidária – Coopamare:

Ficha técnica
Coordenação internacional: Sabine Klapf e Martin Haselwanter
Coordenadores de pesquisa no Brasil: Bernhard Leubolt e Wagner Romão
Direção e edição: Florence Rodrigues
Fotografia: Gabriel Rodrigues e Fabio Ranzani
Som Direto: Luis Rovai
Entrevistados: Eduardo Ferreira de Paula, Maria Dulcineia Silva Santos, Maria Elisabeth Grimberg, Paul Singer

Produção do vídeo: Florence Rodrigues

Fonte: Instituto Polis

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.