Leia mais

São Paulo abre 5º pátio de compostagem

Local é utilizado como depósito de resíduos orgânicos e gera adubo usado em parques e praças da cidade - Notícia de 01/2019 Foto: Divulgação/PMSP Foi aberto nesta quarta-feira (9) o quinto pátio de compostagem de São Paulo. A unidade com capacidade de receber mais de 2,8 mil toneladas de resíduos por ano foi instalada no bairro Ermelino Matarazzo, localizado na zona leste da capital. O pátio dispõe de nove canteiros que podem receber, semanalmente, até 60 toneladas de materiais (frutas, legumes e verduras), provenientes de 16 feiras livres. "Hoje já conseguimos dar a resposta adequada a 20% das feiras da cidade. Pretendemos até o fim de 2020 ter 100% dos ...
Leia mais

Auditoria de Marcas em Cidade (São Paulo)

- Notícia de 09/2018 Aproveitando o marco do Dia Mundial da Limpeza (World Cleanup Day), ação que acontece simultaneamente em diversas cidades do mundo contra o descarte irregular de resíduos sólidos, foi feita uma ação na cidade de São Paulo no dia 15 de setembro de 2018, incorporado a proposta de GAIA (Aliança por Alternativas a Incineração) de auditoria de marcas, incentivando a reciclagem e geração de renda. Participaram da ação integrantes da Coopsbrás (Cooperativa de Trabalho dos Profissionais do Comércio Solidário do Brás), do Movimento Nacional dos Catadores de Materiais Recicláveis (MNCR) e da Aliança Resíduos Zero Brasil.  A ação de coleta de ...
Leia mais

MPF rejeita instalação de usinas para incinerar lixo em Sergipe

- Notícia de 07/2018 Os documentos afirmam que tal medida não condiz com os objetivos da Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) (Foto: MPF) O Ministério Público Federal e o Ministério Público do Estado de Sergipe enviaram ofícios à Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema), à Secretaria do Estado de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh) e ao Governador do Estado de Sergipe rejeitando a possibilidade da instalação de usinas para incineração de lixo em Sergipe. Os documentos afirmam que tal medida não condiz com os objetivos da Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), além de provocar diversos impactos ecológicos, econômicos e sociais. Os ...
Leia mais

Luta contra a incineração de lixo volta com força no Litoral Paulista

- Notícia de 03/2018 Movimento pretende barrar mais um projeto de usina e impedir os equipamentos cheguem no Brasil Militantes do MNCR participaram no dia 07 de março da Audiência Pública para validação do Plano de Gestão dos Resíduos Sólidos da Baixada Santista, que aconteceu no município de Praia Grande no Litoral Paulista. Com cartazes contra a incineração de lixo e pela reciclagem popular, Catadores e Catadoras fizeram uso da fala para argumentar contra a possível construção de um incinerador de lixo na Praia Grande ou municípios da região.     Ambientalistas e representantes da sociedade organizada denunciaram falta de transparência ...
Leia mais

Cobertura do Seminário Plano de Gestão de Resíduos Sólidos de SP

O Plano de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos (PGIRS) é um requisito da Política Nacional de Resíduos Sólidos para que a gestão municipal apresente as estratégias que serão usadas para adequar o manejo de resíduos sólidos ao que foi acordado no marco institucional. O PGIRS da cidade de São Paulo teve sua aprovação em 2014 (clique para acessá-lo) e segue vigente, mas sua execução está longe de estar em dia. Para discutir sua aplicação, a Aliança Resíduo Zero Brasil e o GT Meio Ambiente da Rede Nossa São Paulo realizaram no dia 27 de junho o Seminário “Resíduos Sólidos na Cidade de SP: implementando o Plano de Gestão – PGIRS”. Entre os palestrantes, ...
Leia mais

Projeto Escola Resíduo Zero será lançado em Goiânia

A Sociedade Resíduo Zero (SRZero) e a Sociedade de Integração e Ação Comunitária (OSCIP Vida Melhor) lançam dia 10 de maio de 2017 as 9 horas, no auditório do Ministério Público de Goiás, o Projeto Escola Resíduo Zero Goiânia (PERZG), com o fim de capacitar educadores em compostagem de orgânicos e confecção de composteiras de baixo custo. O Escola Resíduo Zero foi criado com o apoio do Ministério Público de Goiás, frente à experiência bem-sucedida do Projeto Residência Resíduo Zero Goiânia, (PRRZ), realizado em 2016, em cem residências. O projeto foi ganhador de 4 prêmios, entre eles o 15° Prêmio CREA Goiás de Meio Ambiente, na categoria Sociedade ...
Leia mais

Moradores ganham luta travada contra a segunda maior empresa de cimento do mundo

  Líderes comunitários de uma região da Eslovênia ganharam uma luta travada há dez anos contra a segunda maior empresa de cimento do mundo, a Lefarge. Há anos, a companhia praticava técnicas de incineração de lixos tóxicos provenientes da produção de cimento na região, que tem a maior taxa de câncer do país. Quando a queima começou, Uroš Macerl and Eko Krog, líderes de movimentos da região, iniciaram uma campanha contra a Lefarge, expondo fraudes da empresa, organizando grandes manifestações e construindo estratégias legais para bloquear a prática de incineração dos materiais. Neste contexto, GAIA - Global Alliance for Incinerator Alternatives ...
Leia mais

Desmoronamento em lixão da Etiópia deixa 70 mortos

Na Etiópia, cerca de 70 pessoas morreram e outras ainda estão desaparecidas após o desmoronamento de toneladas de resíduos sólidos em um lixão, na cidade Adis Ababa, capital do país, no dia 11 de março. Apesar de estar há quase 10 anos inabilitado a receber mais resíduos, continua funcionando há mais de 50. No Brasil, segundo o Movimento Nacional de Catadores de Materiais Recicláveis, também são frequentes os casos de acidentes em lixões, muitas vezes resultando em mortes. Mesmo com a Política Nacional de Resíduos Sólidos, que previa a extinção deste tipo de destinação até 2014, chegamos em 2015 com mais 3,3 mil municípios com lixões, que até hoje persistem. ...
Leia mais

Catadores lotam audiência pública para debater logística reversa

Ministério Público questiona oneração de catadores   Catadores de materiais recicláveis de 22 Estados brasileiros participaram no dia 21 de setembro de audiência pública promovida pela Justiça Federal para discutir Ação Civil Pública que questiona o Acordo Setorial de Logística Reversa de Embalagens. O auditório da Justiça Federal, localizado na Avenida Paulista, ficou super lotado pelo público interessado, em sua maioria, catadores e catadoras materiais recicláveis ligados ao MNCR. O Ministério Público questiona a oneração de catadores no transporte de recicláveis e rejeitos, além de método de escolha das cooperativas beneficiadas pelo acordo para receber ...
Leia mais

Incineração: um mal desnecessário

Especialistas debateram os impactos que a prática da incineração tem na sociedade Com o tema “Resíduo Zero e Alternativas à Incineração”, aconteceu no dia 6 de outubro o 5º Encontro do Ciclo de Diálogos Resíduo Zero, com a presença de Elisabeth Grimberg, coordenadora de Resíduos Sólidos do Instituto Pólis e co-promotora da ARZB, Paulo Alvarenga, defensor público do estado de São Paulo, Luciano Marcos, do Instituto Nenuca de Desenvolvimento Sustentável (INSEA), Roberval Prates Reis, catador e membro do Movimento Nacional dos Catadores de Materiais Recicláveis, Pedro Roberto Jacobi professor no Instituto de Energia e Meio Ambiente da USP, e Ricardo Pinto Filho, ...